O DEUS DOS CÉUS É QUEM NOS DARÁ BOM ÊXITO; NÓS, SEUS SERVOS, NOS DISPOREMOS E REEDIFICAREMOS”. UM ESTUDO NO LIVRO DE NEEMIAS (Parte II)



(Parte II)
Texto Bíblico: Neemias 1.5.11
     Ao saber da triste situação de Jerusalém (moradores na miséria, muros derrubados e portas queimadas), Neemias resolveu buscar a face do Senhor orando e jejuando. Somente Deus poderia não só resolver a situação terrível em que se encontrava Jerusalém, como também era o único que poderia criar as condições necessárias para que a cidade fosse restaurada.
Leia Mais!

“... O Deus dos céus é quem nos dará bom êxito; nós, seus servos, nos disporemos e reedificaremos”. UM ESTUDO NO LIVRO DE NEEMIAS (Parte I)




Texto Bíblico: Neemias 1.1-4
INTRODUÇÃO: Minha grande preocupação tem sido formar líderes. Uma Igreja sem líderes  segundo a Palavra de Deus, dificilmente avançará. Mas um líder não pode ser somente um homem capaz, não pode ser apenas um administrador; não pode ser apenas um bom gerente ou um bom supervisor. Um líder na Igreja precisa ser, acima de tudo, um líder segundo o coração de Deus. A vida do grande líder Neemias traz, a cada um de nós preciosas lições a serem aprendidas e colocadas em prática.
O livro de Neemias é um livro sobre liderança. Nesse livro aprendemos “a planejar o nosso trabalho, organizar o nosso tempo e recursos, a integrar nossas tarefas com a tarefa de outros, a motivar outros e avaliar os resultados.” Nesse livro aprendemos como lidar com oposição. O verdadeiro líder é aquele que abre mão do seu conforto pessoal para lutar pelas causas dos seus lideradas. Neemias fez da sua vida de comunhão com Deus, a base que sustentou toda a sua liderança, projetos, metas e objetivos.

Leia Mais!

ESTUDO BÍBLICO: SER OU NÃO SER DIZIMISTA?



UM ESTUDO EM HEBREUS 7.1-10

   
Introdução: A doutrina do dízimo tem sido muito debatida e é algo que muitos não querem compreender e não conseguem aceitar, uma vez que o dízimo é uma questão de fé e obediência. Neste estudo gostaria de colocar as bases bíblicas do dízimo e procurar despertar aqueles que ainda não são dizimistas para uma compreensão dessa bênção maravilhosa que nos traz prosperidade e abundância. A grande e lamentável realidade é que hoje em dia muitos crentes não são fiéis a Deus na entrega dos dízimos. Para justificar esta atitude criam vários argumentos e desculpas. Se dependesse deles a igreja fecharia as portas. Não existiria templos, nem pastores, nem missionários, nem bíblias distribuídas, nem assistência social.
   Como muitas pessoas afirmam que o dízimo era algo ligado à lei, ao Velho Testamento, faremos uma abordagem do ensino dessa doutrina no Novo testamento e analisaremos as principais justificativas daquelas pessoas que se dizem evangélicas, mas não conseguiram ainda ser dizimistas; confessam o nome do Senhor Jesus, mas tem enorme dificuldade em obedecer à Sua palavra.

Leia Mais!

ESTUDO BÍBLICO: QUE TIPO DE LUGAR DEVE SER UMA IGREJA?




   Texto Bíblico: João 12.1-8

INTRODUÇÃO: Nós temos, muitas vezes, dificuldades de entender que lugar é a Igreja, uma vez que encontramos pessoas tão distintas umas das outras. Algumas claramente demonstram que estão em comunhão com o irmão e com Deus, outras duvidamos até que tenham tido um encontro com o Senhor Jesus. Somado a isso tudo, temos os escândalos envolvendo os crentes, temos pessoas que por mais que sejam ensinadas não aprendem nunca. Temos, também, os inimigos da própria Igreja, aqueles que são verdadeiras pedras de tropeço e que estão sempre magoando as pessoas com provas claras de falta de caráter e de temor a Deus. E, por fim, temos aqueles que se dizendo líderes se comportam como Judas Iscariotes que conviveu com Jesus, mas era inimigo de Cristo e por fim o traiu. Que lugar deve ser uma Igreja? Este texto que lemos nos ajuda a entender não só que tipo de lugar é a Igreja, mas quem são os tipos que encontramos na Igreja. Apesar das pessoas problemáticas e das situações constrangedoras, a igreja é lugar onde pulsa a vida de Deus.

Leia Mais!

ESTUDO BÍBLICO: O PODER SECRETO DA INIQUIDADE: A SEDUÇÃO DA SERPENTE




Texto Bíblico: Gn 3; Ez 33.30-31; 2 Co 11.3

Introdução: A expressão “os últimos dias” é frequentemente mencionada nas Escrituras. É bem possível que estes dias que vivemos sejam os mais interessantes, e também os mais assustadores na história da humanidade. Interessantes porque nós seremos testemunhas o derramamento do Espírito sobre a terra como jamais houve, acompanhado de uma colheita de almas inimaginável. Assustadores por que Paulo nos diz claramente que “nos últimos dias sobrevirão tempos difíceis” (2 Tm 3.1). A razão para os tempos difíceis não se refere às perseguições do povo de Deus, mas sim à propagação do engano dentro na Igreja. Esta advertência é encontrada repetidas vezes no Novo Testamento. Neste texto vamos estudar como age o espírito de engano tomando como base a história da sedução de Eva pela serpente no Jardim do Éden

1. A RAIZ DO ENGANO

Leia Mais!

ESTUDO BÍBLICO: UM LUGAR CHAMADO BETEL



Texto Bíblico: Gn 28: 10-22
Introdução: A trajetória da vida de Jacó nos ensina preciosas lições sobre a eleição incondicional de Deus. Apesar de todos os seus problemas familiares, a bênção do Senhor permaneceu na sua vida. Mesmo Jacó não merecendo, Isaque o abençoou com a bênção que Deus havia dado a Abraão, v.1-3 (que o Senhor te faça fecundo, que possuas a terra, que sejas uma multidão de povos). Os dons e as vocações do Senhor são irrevogáveis afirma a Palavra de Deus,Rm 12.29. Na sua fuga dos problemas, ele teve realmente um encontro com o Deus de Israel, agora não mais algo contado por seus pais, mas sim, um encontro que o converteu, porque foi uma experiência genuína de fé. Esse encontro se deu num lugar muito especial de forma tão tremenda que por causa disso o nome do lugar foi mudado passando a ser chamado Betel, Casa de Deus. Esse lugar nos ensina preciosas lições nós que somos convidados a termos também, em Betel, não mais uma experiência, mas sim uma vida constante no sobrenatural de Deus.
Leia Mais!

ESTUDO:OS FILHOS DE ZADOQUE E SUAS LIÇÕES PARA NÓS HOJE ( PARTE III – FINAL)



Texto Bíblico: Ez 44
      
Há uma mistura que faz suar os levitas comuns. Mas os zadoquitas eram diferentes. Eles não transpirariam, porque não havia mistura. As suas vestes eram de linho puro, Ap.19: 8: "Foi-lhe dada vestir-se de linho fino, brilhante e puro, porque o linho fino é a justiça dos santos". Um Zadoquita não suava por causa do linho puro .O levita tinha uma mistura, então transpirava. Em outras palavras, um Zadoquita descansaria no Senhor, enquanto o Levita se esforçaria na carne.
       Os levitas de hoje vivem de acordo com os valores do mundo e são escravos da “gangorra” da fama da Mídia. Os louvores são cópias baratas do que há de pior na música popular, imitações gritantes de canções inspiradas por demônios e plena de referências contra a sã doutrina;as pregações versam sobre o que está na moda. Todo dia aparece uma novidade.Ninguém pensa na santidade de Deus e na responsabilidade da vocação.Os cultos precisam agradar as pessoas, os líderes precisam de dinheiro para manter programas caros e continuar em evidência a qualquer preço. Mercenários e ministros de satanás, eles usam as pessoas para conseguir aquilo que seus corações perversos desejam. Eles estão se esforçando na carne; Eles suam. Eles precisam se preocupar. Há algo de bom no que dizem e no que ensinam ? Não há. Não há verdade sem Cristo. Mas agradam a muita gente ? Claro que sim, porque é uma mistura.Coisas carnais agradam a crentes carnais.
Leia Mais!

ESTUDO:OS FILHOS DE ZADOQUE E SUAS LIÇÕES PARA NÓS HOJE (PARTE 2)




Texto Bíblico: Ezequiel cap. 44
    
O nome do estrangeiro era Tobias, que em hebraico significa "a bondade de Javé". Ele era um homem mau com um bom nome sutilmente infiltrado perto do sumo sacerdote. Vejamos um exemplo notório: o Papa. O Papa tem granjeado a admiração de muitos evangélicos inclusive de líderes como Billy Graham e outros nomes da Igreja Evangélica brasileira que já o visitaram no Vaticano (cumpriram, inclusive, todo o protocolo da audiência privada com a “Sua Santidade” – inclinar-se quase prostrando, beijar o anel e reverenciar o “Vigário de Cristo”; coisa séria isso). Parece ser uma boa pessoa, mas Ele não é. Por trás daquelas gentilezas e aparente humildade (e falsidade), bancando o “politicamente correto”, o Papa continua afirmando que a igreja romana é a única igreja verdadeira etc., a mesma velha ladainha de sempre. O Papa é um homem maligno pois não é fiel e leal a Cristo. Na sua mente e na sua roupa está escrito "Tudo a Ti, Maria". Isso resume a sua crença pessoal. O Papa é idólatra e um necromante. Ele parece um homem bom que só deseja a paz entre as pessoas. Conversa para boi dormir. Ele age como a velha serpente seduzindo e enganando.
Leia Mais!

ESTUDO: OS FILHOS DE ZADOQUE E SUAS LIÇÕES PARA NÓS HOJE (PARTE 1)



   Texto Bíblico: Ezequiel cap. 44
 
     Introdução: O nome Ezequiel em hebraico significa "Deus fortalece". Como todos os profetas bíblicos, seu nome indica algo sobre seu caráter e a natureza de seu ministério. Como um profeta de Judá, ele profetizou três períodos: profetizou para seu próprio tempo, para a primeira vinda de Jesus e para o retorno de Cristo. Como todos os profetas, também, Ezequiel é um tipo do Cristo no Antigo Testamento. Ele é a única pessoa na Bíblia, além de Jesus, que é chamado de "filho do homem".
     Nos dias de Ezequiel, o cativeiro e o juízo de Deus  profetizados por Isaías, Jeremias e Joel, estavam acontecendo. As tribos do norte já estavam em cativeiro em 720 aC; Agora o juízo de Deus estava vindo para o sul,Judá. Isaías e Joel advertiram sobre isso, mas sua mensagem foi rejeitada. Jeremias advertiu sobre isso, e foi perseguido. As pessoas preferiam ouvir os falsos profetas. Mesmo a profecia acontecendo, ainda assim, o povo não se arrependeu. O cativeiro já estava em andamento; Nabucodonosor invadiu o país quatro vezes. Na verdade, o próprio Ezequiel estava profetizando do cativeiro. As pessoas estavam dizendo coisas como, "Não é tão ruim", "Vai ficar melhor", "Será de curta duração", quando na verdade as coisas estavam piorando. Falsos profetas não se arrependeram e as pessoas, esquecendo que profetizaram falsamente, continuaram ouvindo a próxima falsa profecia. Enquanto isso, rejeitavam o profeta de Deus, Ezequiel, da maneira que rejeitaram Jeremias antes dele. Alguma diferença hoje em dia ?
Leia Mais!

Boas Festas !


Leia Mais!

PASTORAL- OS INIMIGOS CRISTÃOS DO NATAL



OS INIMIGOS “CRISTÃOS” DO NATAL


Algumas Igrejas que se dizem “cristãs”,sob pretexto de que Jesus não nasceu dia 25 de dezembro, não estão mais celebrando o natal. Eivadas de elementos judaizantes em seus cultos e dogmas, afirmam que o nascimento de Jesus não deve ser celebrado. Celebram a Páscoa, falam da ressurreição, da ascensão aos céus mas ignoram o Natal tal como outras seitas aberrantes que saíram do cristianismo.
À luz da Palavra de Deus, a salvação e redenção da humanidade se originam em Deus mas passam pela manifestação do Verbo de Deus, Cristo. Toda a Bíblia, de Gênesis a Apocalipse,fala do nascimento de Cristo. Os anjos foram os primeiros a celebrar o nascimento de Cristo. Há um testemunho histórico do JESUS HISTÓRICO. Como não celebrar?

Leia Mais!

ESTUDO BÍBLICO : PATRIARCAS DA ESPERANÇA: O TEMPO DE DEUS NA VIDA DE ABRAÃO,ISAQUE E JACÓ




Texto Bíblico: Romanos 4.16-25

 


INTRODUÇÃO: Uma das maiores dificuldades do ser humano é esperar. Nossa paciência é curta. Queremos que tudo aconteça ao nosso modo e no nosso tempo. Vivemos num mundo onde tudo acontece muito rápido. As coisas precisam acontecer depressa porque ninguém quer esperar. As pessoas querem que Deus opere sempre com muita rapidez. Nesse mundo sem esperança que vivemos há muita gente desesperada antes de esperar; gente vivendo o próprio desespero sem esperança; mas há, também, aqueles que esperam contra a esperança. Nesse estudo vamos aprender com Abraão, Isaque e Jacó preciosas lições sobre a esperança que está firmada na fidelidade de Deus. Vamos aprender sobre a matemática da esperança que procede do Senhor.
Leia Mais!

ESTUDO BÍBLICO:PARTICIPANTES DO SOFRIMENTO DE CRISTO E HERDEIROS DA SUA GLÓRIA


                                                                                                                 Texto Bíblico: 1 Pe 4.12-19

 

Introdução: Ao instruir Seus discípulos, Jesus explicou-lhes que o sofrimento fazia parte integral do seu ministério terreno; que era necessário que o Cristo padecesse e entrasse na sua glória (Lc 24:26). Eles achavam que morrer na cruz era incompatível com a glória de Cristo. Jesus então lhes mostrou, fazendo uma exposição das profecias bíblicas, como era necessário que ele sofresse. Ele suportou a cruz, dando a sua vida e morrendo como espetáculo diante do céu e da terra. O que para muitos parecia uma agonia sem sentido, tornou-se o momento mais sublime e foi onde Ele triunfou (Cl 2.15).

 
Leia Mais!

ESTUDO BÍBLICO: O QUE DIZ A BÍBLIA SOBRE A ETERNIDADE.


Um Estudo em 2 Co 4.16-18


 

INTRODUÇÃO: A Eternidade é um daqueles assuntos considerados complexos e temidos. Ninguém até hoje pode definir, à luz da ciência o que seja a ETERNIDADE. Não temos olhos para vê-la completamente nem mente para compreendê-la, mas mesmo assim, não devemos desconsiderá-la. Haverá um dia em que as estrelas cairão do firmamento, o sol não dará mais sua claridade e a lua converter-se-á em sangue. Haverá um dia em que os céus se precipitarão em estrepitoso estrondo, e assim a eternidade se estenderá para sempre. Vejamos o que nos ensina a Palavra de Deus sobre a eternidade.


Leia Mais!

PASTORAL - O PODER CONSOLADOR DO SENHOR





                 As situações difíceis que enfrentamos na vida proporciona, cada uma delas,
uma nova experiência com Deus. Desde a provisão, fortaleza, passando pela misericórdia e justiça, a ação de Deus nos enche de alegria e gratidão.. Algumas vezes a solução divina está dentro das nossas expectativas e em outras o desfecho é exclusivo do Senhor e nem sempre aceitamos e entendemos a Vontade de Deus. Mas aprendemos que Deus é o Senhor de toda a consolação e as provações ocorrem para aperfeiçoar o nosso caráter .
Leia Mais!