ESTUDO: QUE TIPO DE CRENTE VOCÊ É?Um estudo das características de Gaio, Diótrefes e Demétrios


                                                                  Texto Bíblico: 3 Jo 1-15
 

INTRODUÇÃO: Este texto fala sobre três homens: Gaio, Diótrefes e  Demétrio (v. 1, 9, 12) que pertenciam à Igreja, mas que se comportavam, cada um, de maneira distinta um do outro. Infelizmente sabemos que a Igreja é formada por um grupo espiritualmente heterogêneo. Na igreja há salvos e perdidos. Há crentes genuínos e crentes falsos; há os que amam a Deus e buscam a Sua glória e aqueles que amam a si mesmo e estão interessados apenas na sua própria glória. Há gente que trabalha com Deus e para Deus e gente que trabalha contra Deus. Há trigo e joio. Há ovelhas e lobos. Onde há pessoas há problemas e também possibilidade de resolver os problemas. Neste estudo estaremos analisando o perfil desses homens e aprendendo com as suas vidas.
  
1. GAIO, UM MODELO DE CRENTE – V. 1-8
 · Um homem amado - v. 1-2.· O apóstolo João o chama de “amado” três vezes (v.1,2,5). Ele era um homem especial. Era daquele tipo de gente que atraía as pessoas pela sua bondade, pelo seu amor, pelo seu testemunho e pela sua vida.
 · Um homem de vida espiritual saudável – v. 2 .Gaio não tinha riqueza nem saúde na mesma proporção que tinha uma vida espiritual abundante. É possível ser pobre e ser rico espiritualmente. É possível estar doente e ser rico espiritualmente.
 · Devemos orar pela prosperidade financeira e pela saúde dos crentes. Saúde física é resultado de boa alimentação, exercício, limpeza, descanso apropriado e vida disciplinada. Saúde espiritual é o resultado de fatores similares. Devemos alimentar-nos com a Palavra (Jo 17:17), exercitar a piedade (1 Tm 4:6-7), guardar-nos limpos (2 Co 7:1) e evitar a contaminação do mundo (Tg 1:27). E,sobretudo, devemos descansar no Senhor (Mt 11:28-30).
 · Um homem de bom testemunho – v. 3-4. Era reconhecido como um homem que obedecia a Palavra de Deus e andava na verdade. Será que as pessoas que nos conhecem podem dar um bom testemunho a nosso respeito?O que levou Gaio a dar um bom testemunho? A Verdade de Deus!(v. 4) A verdade estava nele e o havia capacitado a andar em obediência à vontade de Deus.  Não é apenas suficiente ouvir e ler a Palavra. Precisamos fazê-la parte da nossa vida.
 · Um homem que exerce um ministério prático e abençoador – v. 5-8. Gaio era um ajudador da verdade – Ou seja, ele ajudava as pessoas a fazerem a obra de Deus. Você faz a obra com os pés, indo; com as suas mãos contribuindo; com os seus lábios falando e orando. Gaio abriu seu coração, seu bolso e seu lar para acolher os pregadores da Palavra de Deus. Ele dava suporte financeiro para que outras pessoas fizessem a obra de Deus (1 Co 16:6; Tt 3:13). Nossa fé deve ser expressa por obras (Tg 2:14-16) e nosso amor por ajuda e não por palavras apenas (1 Jo 3:16-18).
 2. DIÓTREFES, UM CRENTE CARNAL E SOBERBO – V. 9-10
·  Era amante dos holofotes – v. 10.· No caráter e na conduta, Diótrefes era inteiramente diferente de Gaio. Ele se amava mais do que aos outros. Jesus não ocupava a primazia na vida de Diótrefes. Por isso, ele não acolhia o apóstolo João. A rejeição possivelmente não era doutrinária, mas pessoal. Os motivos que governavam a conduta de Diótrefes não eram nem teológicos nem sociais nem eclesiásticos, mas morais. Ele estava ávido de posição e poder (Mc 10:42-45; 1 Pe 5:3).
 ·  Ele queria ser o centro das atenções. Ele olhava para João como um rival e não como um apóstolo de Cristo. Satanás estava trabalhando na igreja através de Diófrefes, porque ele estava operando sobre a base do orgulho e da autoglorificação, as duas principais armas do diabo O orgulho e a soberba são pecados intoleráveis para Deus. Na igreja de Cristo todos estamos nivelados no mesmo patamar: somos servos. Não há espaço para donos, para chefes, para buscar aplausos de homens. Diótrefes era um líder ditador. Ele impunha sua liderança pela força e pela intimidação. Sua vontade era lei. Ninguém podia ocupar o seu espaço. Cada pessoa que chegava na igreja era uma ameaça à sua liderança. Por isso, ele não dava acolhida a João.
 ·  Era uma pessoa que gostava de projetar-se falando mal dos outros – v. 10a· As palavras más e as obras más emanam do maligno. Diótrefes mentiu sobre o apóstolo João. Ele trazia falsas e vazias acusações contra João. Seu prazer era atentar contra a honra daqueles que eram ameaça ao seu orgulho e à sua pretensa posição. Ele cometia o pecado mais abominável para Deus: espalhar intriga entre os irmãos (Pv 6:16-19). Suas conversas eram absurdas. Não eram apenas ímpias, mas disparatadas. Ele lançava acusações maldosas e sem base
 · Diótrefes falava mal de João pelas costas, quando João não estava presente para defender-se (v. 10 a).Nós precisamos ter cuidado para não dar guarida a tudo que ouvimos e lemos sobre boatos espalhados contra os servos de Deus. Eles podem estar sendo espalhados por membros de igreja como Diótrefes.
 · Diótrefes era uma pessoa que influenciava negativamente os outros – v. 10b.Ele não acolhia João nem as pessoas ligadas a João. Além disso, ele impedia que os outros membros da igreja acolhessem os enviados pelo apóstolo João. Sua influência era para o mal. Ele exercia a sua autoridade de forma doentia, usando a arma da intimidação. Diótrefes era um líder controlador e manipulador. Ele queria controlar a vida das pessoas e impor a elas sua vontade autoritária. A mesma Bíblia que nos exorta a não ter comunhão com descrentes (2 Co 6:14-16), com hereges (Rm 16:16-19), nos ensina a acolher uns aos outros (3 Jo 8).
 · Diótrefes exercia a sua autoridade para punir aqueles que discordavam com ele – v. 10c Ele não tinha nem autoridade nem base bíblica para expulsar as pessoas da igreja. A disciplina que ele praticava era abusiva. As pessoas eram disciplinadas não porque haviam desobedecido à Palavra de Deus, mas por caprichos dele.
·        A disciplina bíblica não é uma arma nas mãos do líder para proteger-se a si mesmo. A disciplina é uma ferramenta para promover a pureza e glorificar a Deus. A igreja não é uma delegacia. Ela não trata as pessoas com chibata. A disciplina deve ser exercida com amor.
 · Diótrefes difamou a João, tratou com pouco caso os missionários e excomungou os crentes leais porque seu amor era a si próprio e ele queria ter a preeminência.
 
 3. DEMÉTRIO, UM EXEMPLO A SER SEGUIDO – V. 11-15
 · Um homem digno de ser imitado – v. 11. Quando um líder anda com Deus e vive de forma irrepreensível ele é digno de ser imitado (Fp 3:17; 1 Co 11:1). Ele tornou-se modelo, padrão, referencial. As pessoas estão olhando para nós. Eles estão nos copiando. Que tipo de crente estamos sendo? Estamos influenciando para o bem ou para o mal?
 · Um homem que tem bom testemunho dentro e fora da igreja – v. 12.· Todos os membros da igreja conheciam Demétrio, amavam Demétrio e agradeciam a Deus pela sua consistente vida e ministério. Sua vida era exemplo para os membros da igreja. Os de fora da igreja também lhe davam bom testemunho. Sua vida era coerente com o seu testemunho de fé .
 · Um homem que tem bom testemunho da própria verdade – v. 12.· Como Gaio ele andou na verdade e obedeceu à verdade. A genuinidade cristã de Demétrio não precisava da prova dos homens; provava-se por si mesma. A verdade que ele professa estava encarnada nele. Isso não significa que era perfeito, mas significava que procurava viver de forma a glorificar a Deus em tudo.
 ·Um homem que recebeu bom testemunho também do apóstolo João – v. 12.· João encontra na igreja Gaio e Demétrio que estão prontos a acolhê-lo a despeito da oposição de Diótrefes. Era um homem que estava disposto a correr riscos para defender a verdade. Ele tinha coragem de assumir posições definidas na igreja. E você ?
 
CONCLUSÃO: Vamos fazer uma reflexão sobre a nossa conduta enquanto servos de Deus e membros do seu corpo, a Igreja. Que possamos identificar na Igreja quem são os verdadeiros servos de Deus para que possamos avançar, de forma, saudável, rumo às grandes bênçãos que o Senhor nos têm prometido. Minha oração ao Senhor tem sido um pedido constante para que ele levante e traga para a nossa Igreja Gaios, Demétrios, homens e mulheres tementes e de bom testemunho para que sejamos uma Igreja fortalecida no poder de Deus e com base na vida íntegra e no testemunho de todos os membros. Que Deus nos livre dos Diótrefes em nome de Jesus. O Senhor seja com a sua vida hoje e sempre. Amém

0 comentários:

Postar um comentário